• http://forumdospovos.net

last modified October 12, 2012 by xaba

Matéria: O que ficou da Cúpula | Planilha com o Mapeamento de Horários para Reunião  | Lista de E-mails  | Memórias

Site do Comitê Catarinense

 
Rio de Janeiro, 22 de junho de 2012

Carta dos Comitês Estaduais e Locais à Assembleia dos Povos

Diante da crise civilizacional e urgência das questões ambientais conclamamos os movimentos, coletivos, grupos, cidadãos e cidadãs a se engajarem conosco no fomento de espaços de convergência em fóruns locais de diálogos, reflexões e ações.

Esse espaço de convergência de luta pela emancipação dos povos, que teve seu desenrolar facilitado pelo processo do Fórum Social Mundial e suas diversas versões locais espontâneas e autônomas, renovado pelas ocupações que tomaram as praças do mundo anunciando a Primavera dos Povos em 2011, culmina nesta Cúpula onde finalmente as questões socioambientais são reconhecidas em seu centro e os movimentos sociais a abordam a partir de suas ricas e diversas perspectivas.

Assumindo a missão de expandir estes círculos aos cidadãos, cidadãs e movimentos locais, formou-se de maneira independente, autônoma e apartidária, uma Rede de Comitês Estaduais e Locais com foco na Cúpula dos Povos frente a Rio+20, atualmente em plena expansão para continuidade do processo. Estimamos ter dialogado diretamente com mais de 100 mil pessoas em São Paulo, Santa Catarina, Amazonas, Paraná, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Bahia, Rio de Janeiro e Distrito Federal.

As ações colocadas em marcha foram bastante diversas, entre elas destacamos:

·        Mapeamento dos principais problemas socioambientais dos estados e municípios envolvidos;

·        Promoção de diálogos, oficinas, seminários, conferências e fóruns locais;

·        Produção de cartas, manifestos, atos, intervenções artísticas e culturais;

·        Difusão dos resultados dos processos e convite ao diálogo e participação em diversos meios de comunicação e nas redes sociais, com presença nas mídias locais alternativas e tradicionais;

·        Fomento à incidência em políticas públicas;

·        Promoção e participação em marchas, manifestações, mobilizações e atos públicos.

Animados e muito confiantes no processo horizontal e colaborativo desencadeado, nos articulamos agora como facilitadores de um FÓRUM DOS POVOS e convidamos as Redes, instituições, movimentos, grupos, coletivos, cidadãos e cidadãs a participarem da construção de um espaço mundial de convergência de Luta dos Povos por sua emancipação e empoderamento. Pautada na ação direta e fomento à construção de Fóruns Locais, articulados em redes livres, acreditamos contribuir para a aceleração de um processo histórico atualmente em marcha, de convergência entre os já mobilizados, movimentação dos indignados e despertar dos adormecidos.

Frente aos 1% representados na Rio+20 que teimam em se apoderar do destino da humanidade e que nos empurram para o abismo sob a lógica do lucro e da ganância, somos outros 1% mobilizados.  Precisamos com urgência mobilizar grande parte dos 98% de cidadãos e cidadãs que começam a se indignar para juntos construirmos, a partir do fortalecimento e respeito à diversidade, um mundo socialmente justo e ambientalmente saudável.

Convidamos a todos e todas que participaram desta Cúpula dos Povos a juntarem-se a nós e compartilharem suas propostas, planos e agenda, para montarmos um grande panorama de ações e propostas para um mundo melhor.

Para confluir nossas redes criamos o endereço livre e aberto http://forumdospovos.net e convidamos a todos e todas para interagir neste processo.

FÓRUM DOS POVOS. Do mundo para as praças, por justiça social e ambiental.

Gratidão.


Para mais informações, entrar em contato pelo e-mail: forumdospovos@lists.riseup.net